Sem palavras suficientes

leticiacrz's picture

Sem palavras suficientes

Eis-me aqui novamente, escrevendo mais uma vez uma coisa que ninguém vai entender.
Não tenho nada muito importante pra dizer fora o fato de que, PUTA QUE PARIU, O MCR ESTÁ DE VOLTA! O QUE MAIS EU PODERIA QUERER??????? Tá, eu sei, o CD inteiro aqui e agora... ou o algo como o Danger Days : "Carifornia 2019 Edition", só pra variar um pouco mais e pra não dar a entender que eu não sou nada ambiciosa. Pois é, amigos, ambição não me falta, pelo menos não quando se trata de MCR. Quanto a eles eu quero cada vez mais e mais, até me sentir completamente saciada (não que isso demore pra acontecer, é claro).
Enfim, quando eu assisti o Art Is The Weapon, pasmem: eu chorei. Isso é realmente um milagre porque eu não sou dessas daí que choram até se veem um clipe na MTV. Eu, dura e sem coração como sou, CHO-REI! Ainda assim, eu não sabia o que pensar. Tinham aparecido boatos de que MCR viraria pop colorido e, se você mora no Brasil, pop colorido soa 24545214545 vezes pior do que soaria em qualquer outro lugar (caso haja curiosidade sobre essa praga chamada música da qual eu estou me referindo, pesquisem Restart Brasil no Google e vejam). Meu lado são não acreditou, meu lado estérico teve uma síncope. Tudo indicava pra um CD incrível, como é que sairia uma porcaria dessas? Pouco tempo depois veio o Art Is The Weapon e a certeza de que MCR é MCR e, e eles jamais decepcionam. Nanana surge em todo seu esplendor e eu enlouqueço de vez. Nome do álbum, fotos da banda, capa do álbum, matérias em revistas, TUDO INCRÍVEL! Daí sai a The Only Hope For Me Is You. Não, eu não odiei a música,juro, é só que... sei lá, eu me assustei. Isso, eu me assustei. Já ouvi todas a milhões de vezes que deveria ouvir só hoje e, olha, cada vez mais eu quero que 22 de novembro chegue logo e que todo esse receio e essa ansiedade vão embora pra longe de mim.
Eu jamais vou esquecer o Bullets, o Three Cheers e o The Black Parade mas vou apoiar o Danger Days e tudo que vier daí em frente. Afinal, MCR é a minha banda favorita e o meu papel é estar lá por eles mesmo que eles não façam a mínima ideia de que eu estou aqui, chorando, gritando, cantando e o caralho a quatro.

Google Translator will be your best friend if you wanna know every shit I wrote here. Now I'm in the second year and a half of my English course, it means that I'm exactly in the middle of the "be fluent in five years" process. I'm sorry if just this part in English exploded your brain.